Série - setembro 30, 2022

Vença a inconstância espiritual. Parte 2 • 19 a 24 de Setembro

CÉLULA: 19 a 24 de setembro

INTRODUÇÃO

Infelizmente, muitos cristãos oscilam em sua vida espiri- tual. Um dia estão animados e cheios de fé. Outro dia es- tão pensando em desistir. Um dia estão apaixonados por Deus e fervorosos, no outro dia estão frios e desanimados.

Não foi assim que Deus planejou nossa caminhada com Ele. A proposta de Deus é uma jornada de constância e in- timidade; de regularidade e profundidade. Vamos apren- der como podemos andar em passos firmes com Deus, descobrindo os princípios para vencer a inconstância es- piritual.

Na semana passada conversamos sobre constância espi- ritual e aprendemos princípios poderosos para uma vida espiritual profunda e crescente. Hoje, vamos recapitular o que conversamos na semana anterior e faremos algumas ativações práticas que nos ajudarão a viver uma verdadei- ra transformação.

QUEBRA-GELO

Chegou a hora de recapitular. Peça aos presentes para comentarem o que se lembram da lição da semana ante- rior sobre o tema: “Vença a Inconstância Espiritual”. Com a ajuda do grupo, envolvendo a participação das pessoas, ajude-os a relembrar os seguintes tópicos:

• Deus nos chamou para sermos sacerdotes.

• Muitos delegam para terceiros o convite para estar cons- tantemente na presença de Deus.

• Muitos têm medo de ouvir a voz de Deus e, consequen- temente, ter que abrir mão de práticas em certas áreas da vida.

• O que você está fazendo com o convite de Deus?

A PROPOSTA DE DEUS

Muitas pessoas começam sua vida espiritual na ordem in- versa. Muitos querem mudar comportamentos exteriores, querem fazer boas obras, deixar seus vícios e mudar a maneira como tratam as pessoas. Se esforçam para fa- zer isso na sua própria força, mas acabam frustrados e desistindo.

O fato é que nossa vida espiritual não começa nas nossas atitudes e sim em nosso relacionamento com Deus. Veja como Jesus resume muito bem toda a lei em apenas dois versículos:

“Mestre, qual é o maior mandamento da Lei? ” Respondeu Jesus: ” ‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. Destes dois manda- mentos dependem toda a Lei e os Profetas”. Mateus 22:36-40

Primeiro começa nosso relacionamento com Deus. Nós o conhecemos, o amamos e andamos com ele. A partir daí, experimentamos uma transformação interior e, aos poucos, nossos comportamentos e atitudes também vão sendo transformados.

Primeiro conhecemos e amamos a Deus. Depois vamos aprender a amar e a nos relacionar com as pessoas. Pen- se na imagem da cruz:

• Há uma madeira na vertical que aponta para nossa conexão com Deus. Essa é a prioridade. Jesus morreu na cruz para que cada cristão possa estar na presença do Pai.

• Há uma madeira na horizontal que aponta para nossa conexão com as outras pessoas. Essa madeira horizontal está sustentada na madeira vertical, ou seja, só experimentamos cura em nossos relacionamentos se o relacionamento vertical com Deus está fluindo. A vida horizontal está pendurada na vida vertical, de forma que a segunda só existe a partir da primeira. A cura dos seus relaciona- mentos (pessoas, dinheiro, trabalho, passado, vícios, etc.) está em seu relacionamento íntimo com Deus.

Se ancoramos nossa vida em amar a Deus, desenvolvendo um relacionamento constante e profundo com Ele, nos tornaremos espiritualmente fortes e livres da inconstância. Todas as áreas da nossa vida, nossos relacionamentos e atitudes serão transformados de forma natural e gradativa, sem ser forçado ou artificial.

Pergunta: Você está pronto para aprofundar em seu relacionamento vertical com Deus?

PASSAR TEMPO NA PRESENÇA DE DEUS

Após essa introdução, e tendo entendido tudo o que conversamos na semana anterior sobre sermos sacerdotes na presença do Senhor, agora teremos um momento muito especial e importante. Vamos aprender na prática a desenvolver nosso relacionamento pessoal com Deus.

Sem dúvida alguma, um cristão que passa tempo diariamente na presença de Deus se torna vivo, forte e constante espiritualmente. Todo cristão foi chamado pelo próprio Deus para ser um sacerdote e para isso deve passar um tempo diário na presença do Senhor. Chamamos esse há- bito de “Tempo a Sós com Deus” ou “Devocional”.

O conceito de devoção vem da ideia de um coração que queima por Deus e de alguém que deseja intensamente estar perto e agradar o seu Senhor. Não podemos fazer coisas para Deus substituindo o passar tempo com Deus. Nossa identidade e satisfação não podem ser o que fazemos para Deus e sim o que somos na presença de Deus. O que fazemos é consequência da nossa devoção e intimidade. Ele derrama sua vida sobre nós e depois derramamos a vida que recebemos de Deus sobre as pessoas.

Pergunta: Você tem o hábito de passar tempo na presença de Deus? O que você faz no seu tempo devocional?

PILARES DO DEVOCIONAL

Querido líder, nosso objetivo a partir de agora é permitir aos presentes terem uma experiência pessoal de cone- xão com Deus. Você será um facilitador e deverá conduzir os momentos abaixo desafiando cada um a se concentrar e a praticar os princípios que serão ensinados. Será um modelo bem inspirador para que as pessoas da sua célu- la pratiquem em casa durante a semana. Que Deus te dê muita sabedoria e inspiração para conduzir cada pessoa a um momento marcante na presença de Deus!

Jesus nos ensinou:

“Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está no secreto. Então seu Pai, que vê no secreto, o recompensará.” Mateus 6:6

A partir de agora, concentre-se na presença de Deus como se estivesse sozinho no seu quarto. Desafie cada um a es- colher um cantinho da sala, um local onde cada um pode te escutar. Vamos aprender o que devemos fazer diaria- mente no quarto, quando separamos tempo para buscar a Deus. Essas etapas devem guiar e inspirar você no seu secreto com Deus:

1. Adoração (discernir a presença de Deus)

Começamos reconhecendo a presença de Deus. Não fala- mos em entrar na presença de Deus porque nunca saímos da presença de Deus. Inicie agora mesmo discernindo e honrando a presença de Deus. Nós honramos a presença de Deus permanecendo de coração inteiro e com uma ati- tude de fé.

“Vocês me procurarão e me acharão quando me procurarem de todo o coração.” Jeremias 29:13

“Pois os olhos do Senhor estão atentos sobre toda a terra para fortalecer aqueles que lhe dedicam totalmente o cora- ção.” 2 Crônicas 16:9

“Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa aqueles que o buscam.” Hebreus 11:6

Reconheça que Deus está presente. Honre a presença de Deus. Diga a ele frases de gratidão e adoração. Não se preocupe em sentir a presença de Deus, mas creia que ele está presente. O foco não é você sentir a presença de Deus, mas é Deus sentir a sua presença no quarto! É você estar presente naquele lugar com o coração inteiro.

Atenção líder, antes de mudar para a próxima etapa, certi- fique-se que cada pessoa praticou de todo coração a etapa da adoração. Coloque uma música de fundo para ajudar os presentes a adorar e a reconhecer a presença de Deus. Sugestão de música: (Veja) Canta Minh’Alma – Central MSC

Pergunta: Você tem o hábito de passar tempo na presença de Deus? O que você faz no seu tempo devocional?

Home Sounds:

2. Leitura da palavra

Agora que você percebeu a presença de Deus em nosso meio, podemos ler a Bíblia. Sua leitura não será mais de um livro qualquer, porque o autor do livro está presente. Interaja com o autor enquanto lê. Faça perguntas a Ele. Tire suas dúvidas. Ore pedindo a Deus para te ajudar a compreender a leitura.

Leia com atenção e interesse. Se possível, leia mais de uma vez o trecho indicado. O foco dessa etapa é compre- ender a palavra de Deus com a mente e com o raciocínio.

Leitura sugerida: Mateus 6: 5-13

Após ler o texto acima, responda as perguntas:
• Qual é a mensagem principal do trecho lido?
• O que mais chamou minha atenção?
• Consigo perceber um princípio eterno nos versos acima? 3. Meditação (falar com sua alma)

A meditação é um momento muito importante do seu tem- po devocional e vai te ajudar a digerir o que Deus e a sua palavra estão falando com você. Meditar é refletir. Meditar não é falar com Deus e nem falar com outra pessoa. Medi- tar é falar com você mesmo, falar com a sua própria alma.

O foco aqui é compreender a palavra de Deus com a sua alma. Fazer o texto bíblico descer da sua cabeça para o seu coração. Veja nos versos abaixo como o salmista esta- va ministrando a palavra de Deus à sua própria alma. Você deve agora falar do texto bíblico para você mesmo.

“Por que você está assim tão triste, ó minha alma? Por que está assim tão perturbada dentro de mim? Ponha a sua es- perança em Deus! Pois ainda o louvarei; ele é o meu Salva- dor e o meu Deus.” Salmos 42:11

‘Bendiga ao Senhor a minha alma! Bendiga ao Senhor todo o meu ser! Bendiga ao Senhor a minha alma! Não esqueça de nenhuma de suas bênçãos! É ele que perdoa todos os seus pecados e cura todas as suas doenças.” Salmos 103:1-3

Medite na palavra. Reflita sobre como ela se aplica à sua vida. Quais verdades você tem vivido e quais têm negli- genciado. À luz do texto de Mateus lido anteriormente, diga à sua alma: “Como é bom estar a sós na presença de Deus”; “Ò minha alma, vamos aprender a ser sinceros e espontâneos na presença de Deus”; “Eu quero aprender a desejar a presença de Deus”; “Eu quero aprender a orar e a ser sincero com o Senhor; “Eu recebo o perdão de Deus pelos meus pecados e decido perdoar as pessoas que me ofenderam”; etc.

Nessa etapa de meditar e conversar com a sua alma, res- ponda as perguntas:

• Há, no trecho lido, uma promessa de Deus para a minha vida?

• Há uma ordem de Deus para eu obedecer?

4. Oração

Se meditar é falar comigo mesmo, orar é falar com Deus. Fale da maneira mais verdadeira e espontânea possível. Coloque diante de Deus suas dúvidas e dificuldades. Peça ajuda a Deus para colocar em prática o que ele falou com você. Inclua em sua oração algum verso bíblico que você acabou de ler. Ore com as suas próprias palavras.

Lembre-se que você acabou de ler a bíblia e, por meio da palavra, Deus acabou de falar com você. Agora é a sua vez de falar com Deus. Ele falou e, no diálogo de vocês, agora é a sua vez de responder. Fale com Deus sobre o que mais chamou sua atenção no texto bíblico. Responda a Deus so- bre as promessas, princípios e ordens que ele colocou em seu coração.

Querido líder, entenda que se cada pessoa da sua célula vivenciar essas etapas com sinceridade hoje, durante a sua ministração, todos estarão muito mais seguros para dar continuidade ao momento devocional em casa, na ro- tina da semana. Peça ao Espírito Santo para te ajudar a guiá-los e a inspirá-los. Dê instruções e em seguida dê tempo para eles praticarem. Depois reforce mais um pou- quinho antes de mudar de etapa. Procure deixar músicas ambientes ao fundo oferecendo um pouco de privacidade a cada um. O segredo do encontro de hoje é cada um pra- ticar. Não deixe que fiquem na teoria, conduza sua célula a uma impactante vivência na presença de Deus.

DESAFIO

Se você praticar esse hábito devocional por um mês, sua vida nunca mais será a mesma! Lembre-se que, se voltar- mos daqui a dez anos para verificar as pessoas dessa cé- lula, as que estarão firmes são aquelas que aprenderam a ter um relacionamento pessoal com Deus e a sua palavra.

É caso de vida ou morte! Nos referimos à nossa vida espi- ritual. Se você quer vencer a inconstância deve aprender a ter o seu momento a sós com Deus diariamente. Vamos colocar em prática:

Nosso desafio, para a próxima semana, é que cada pessoa faça, no mínimo, três dias de devocional em sua rotina se- manal. Separe um momento do seu dia, vá para um lugar reservado e pratique essas quatro etapas:

1. Adore
2. Leia a palavra 3. Medite
4. Ore

AVISOS

A Chave do Tesouro l Nova série de mensagens

O Deus a quem servimos é o Todo-Poderoso do universo, será que você se relaciona com Ele levando isso em con- ta? O temor ao Senhor é a chave para uma vida extraordi- nária, venha mergulhar nesse assunto com a nossa nova série de mensagens. Aos domingos, em todas as unida-

des, a partir de 25/09.

CCM Inscrições abertas

Para viver os propósitos de Deus, é preciso estar prepara- do. Faça isso se inscrevendo no CCM e evolua em conhe- cimento e intimidade com o Pai, isso vai mudar a sua vida.

Turmas disponíveis: Cresça 1 e 2; Lidere 1, 2 e 3; Avance. Inscrições e mais informações em:

www.central.online/ccm

Capacitação de voluntários Central da Criança

Se você já serve ou deseja servir na Central da Criança, prepare-se, está chegando mais uma capacitação da Cen- tral da Criança, e estamos muito animados para esse tem- po.

Data e local: 24 de setembro, das 8:30 às 12:30, na Central Luxemburgo. Inscreva-se pelo site da Central: www.central.online/voluntarioscentraldacrianca